h1

Gazpacho!

julho 22, 2010

Outro dia, recebi a missão de fazer um Gazpacho.

Salvo um defeito em meu gravador, não tinha tomado essa sopinha gelada de tomate antes; mesmo assim, mandei brasa e, seguindo duas receitas diferentes, uma de Olivier Anquier, e outra de Fernando Calchadora (o produtor do programa Sandra Cozinha Inteligente em Madrid, que passa no GNT PLUS), fiz o meu próprio Gazpacho. Não posso comparar com outros, mas acho que ficou bem legal esse que servimos em almoço rubro-negro de homenagem a um amigo querido.

Coloquei em um liquidifidor vários tomates bem vermelhinhos, eram uns seis ou sete de tamanho médio; uma cebola média; um pepino japonês inteiro e sem casca; algumas, (poucas) torradas de pão francês que estavam dando sopa em cima da geladeira (tem que ser pão dormido e achei que torrada era a mesma coisa); um pouco de vinagre de vinho branco; suco de meio limão siciliano; um pimentão vermelho médio; um dente de alho; uma talagada de azeite de oliva do bom e uns 750 ml de água já gelada; sal e pimenta do reino. Misturei tudo no liqui e depois passei na peneira.

Finalmente, piquei tomate, pimentão vermelho e pepino em cubinhos bem pequenininhos pra colocar no final e a gente mastigar enquanto bebe a sopinha. Deixei mais um tempo na geladeira porque só tem graça bem geladinha.

Embora feita sem qualquer pesquisa anterior, pois recebi a incubência já em cima da hora, na receita que Fernando mandou ele dava umas dicas interessantes: quanto mais pepino, mais pesada fica a bebida; como é tudo cru, é bom ter cuidado com o alho e com a cebola; e, ao invés de tirar as cascas dos tomates e dos pimentões, o que dá um trabalho danado e quase faz a gente desistir de executar a receita, dá pra passar tudo na peneira, sem culpa. No limite, se o tomate for muito ácido, vale usar o velho truque do açúcar pra eliminar a acidez.

Receita fácil, refrescante e, sobretudo, light!

Tati

3 comentários

  1. Delícia total! Melhor do que o de um bar de tapas (bem legal, inclusive) que fui no Rio.
    Eu acho que gazpacho vai ser a minha no verão… e sem o pão!


  2. Já tinha provado uma vez e não gostei. Mas confesso ue deu vontade de provar essa daí.🙂


  3. eu agora faço gazpacho.
    e desejo gazpacho.
    e descobri que não há gazpacho como o gazpacho feito em casa…
    arrasou, porque eu já gostava antes, de um gazpacho comprado pronto very, very meia boca.
    o gazpacho feito em casa é luxo e riqueza.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: