h1

QUINUA, o grão de ouro!

abril 22, 2009
 quinua_1a_big1“A quinua é um pseudo-cereal da família das Quenopodiáceas, domesticada e cultivada há 5.800 anos nos Andes e tem diferentes centros de domesticação no Peru, Bolívia e Equador. Também chamada quínua e quinoa, o nome quinua é de origem quéchua, o idioma falado pelos antigos incas. Conhecida como o trigo dos incas, para quem a quinua era considerada uma planta sagrada, um símbolo religioso, os incas – que a cultivavam há 8 mil anos – a chamavam de Grano Madre ou Grano de Oro”. “Investigadores que vem estudando a Quinua, nas últimas décadas, constataram, que seu valor nutritivo – só comparado ao leite materno – a converte no alimento mais completo do planeta, muito superior aos de origem animal, como a carne, o leite, os ovos e o peixe.” 

E aí, vocês já comeram quinua? Bem, já faz mais de um ano que a quinua figura no cardápio de lá da casa da minha mãe, mas só ultimamente resolvi descobrir os segredos desse grão que tá tão em voga. Aqui no Recife, dá para encontrar a quinua em grão, e também em flocos ou farinha, como também em barras de cereal, granolas etc. Nos sites http://estilonatural.uol.com.br/Edicoes/17/artigo4773-1.asp  e http://boaforma.abril.com.br/edicoes/221/fechado/Dieta/conteudo_257.shtml , encontrei boas matérias sobre o assunto.

Bem, desde que me iniciei na quinua, já fiz, em pouco tempo, uns 3 risotos diferentes, sendo um deles junto com Tati, lá em Alagoas, na semana santa (receita será postada noutra ocasião), e outro também lá, que, junto com a farofa de fernando, serviu de acompanhamento para uma fraldinha DELICIOSA, que espero tenha sua receita postada aqui o quanto antes também! (Não sei se já disse, mas passamos a semana santa numa casa ÓTIMA, lá em Alagoas, na praia (deserta) do Patacho, que fica no muncípio de Porto das Pedras, logo depois de Japaratinga, no sentido PE – AL. A casa me foi indicada por Gabi e tem um site bem legal na internet http://www.praiadopatacho.com/ . Não deixem de olhar as fotos!)

Voltando ao risoto… Era domingo de páscoa e estávamos no fim do feriadão, de modo que resolvi misturar o que ainda tínhamos de quinua e de arroz arbóreo, que sobraram dos dias anteriores, quando tínhamos comido, respectivamente, risoto de codorna, só com arroz, e risoto de camarão, este só com quinua. Em síntese, foi o risoto das sobras dos grãos e deu super certo!

Para cozinhar o risoto,  fiz um caldo com alecrim, manjericão, coentro, cebola, louro, pimenta etc., tudo que ainda tinha na gaveta da geladeira. Noutra panela, refoguei uma cebola grande no azeite quente, acrescentei o arroz, refoguei um pouco e coloquei um copo de vinho tinto. Quando o vinho secou, fui colocando o caldo, devagar e sempre, mexendo sem parar. Mais ou menos na metade do cozimento do arroz, acrescentei a quinua, que tem o ponto de cocção mais rápido, e segui mexendo e pondo o caldo. Pra falar a verdade,  não sei precisar em que momento coloquei a quinua, mas já fazia alguns minutos que estava mexendo o arroz; fui pela intuição mesmo e também li o tempo de cozimento da quinua que havia na caixa, sem contar que, numa das noites anteriores, já havíamos cozinhado a quinua, quando fizemos o citado risoto de camarão com quinua.  Quando cozida, o grão se abre e, assim como o do arroz, fica inchado.

Bem, depois, acrescentei pimenta do reino e também da rosa, pimentões vermelho e amarelo cortados em tiras pequenas e também ervilha torta, que cortei em 2 ou 3 pedaços cada vagem, tudo também sobras dos primeiros dias do feriado, viva Lavoisier! Quando estava al dente, coloquei queijo parmesão ralado, mexi, mexi  e pronto, estava  pronto este risoto vegetariano a base de quinua e arroz arbóreo!

Beijos

Sandra

16 comentários

  1. Esse risoto vegetariano estava o pipoco! Pode muito bem ser servido sozinho, como prato único, ocasião em que eu acrescentaria umas ervilhas de bolinha no final (das congeladas, que fazem ploc na boca). Mas com a fraldinha e a farofa ficou show!
    Mas o que eu gostei mesmo da receita foi o “ponto de cocção” do arroz (rsrssr)!


  2. Eu mesma não conhecia a quinua, até esta última semana santa, lá na Praia do Patacho. A-do-rei! Ah, e tem efeito diurético,bom para os hipertensos!rsrs


  3. Este cocção eu aprendi com minha mãe!


  4. Esse almoço foi muito bom, mas, foi um tal de derrubar taça de vinho. Meu almoço quase foi pro espaço, quando levou um banho de vinho, sorte que só pegou numa parte e deu para salvar o restante.


  5. Eu também adorei esse risoto!!! Logo, logo irei prepará-lo, só espero que fique igual ao que eu aprendi no programa GNT Plus.🙂


  6. Essa escrava japonesa é uma danada! Ao tempo em que limpa tudo pra deixar o programa asseadinho, vai aprendendo as receitas da Sandra!


  7. A quinoa (quinua?) entra num dos pratos inesquecíveis que comi, um dos melhores da vida: risoto de quinoa com atum selado, quase curzinho. No Chile, restaurante Azul Profundo. Tudo, tudo de muito bom!


  8. eita, eu comi tb, no mesmo restaurante, só que era salmão na chapa.
    pedi o prato só por causa da quinua, que eu ainda não conhecia pessoalmente. era sensacional o prato!
    um salmão grelhado, com o tal risoto e uma compota de alho. esta última, por sinal, eu demorei a descobrir do que se tratava, foi difícil até mesmo perceber que era alho. e era realmente muito boa a compota. aliás, o prato todo que até hj não esqueço. e tenho vontade de tentar fazer compota de alho, olhaí, berna, encaras?


  9. ?


  10. ??


  11. No dia das mães, Tiago fez este risoto e levou um resto para casa… Diferentemente do da praia, a ervilha torta cozinhou demais, ficou menos crocante e mudou de cor, ficou meio verde musgo, menos vivo. Por isto, sugiro que elas sejam colocadas no fim do cozimento, pois ficam mais crocantes e gostosas!
    Beijo
    Sandra


  12. Onde em Recife eu posso comprar quinua???Experimente as ervilhas tortas da seguinte forma: limpe e lave a ervilha (uma bandeja), ponha na panela com 5 colheres de sopa de água e sal a gosto, quando estiver verde vivo coloque azeite de oliva extra virgem. Fica ótimo.


  13. Roselaine,
    Aqui no Recife, encontro da quinua em grãos nas lojas Mundo Verde (tacaruna, plaza, recife), na casa dos frios e também numa loja de produtos esportivos que fica na rua do futurom, ao lado do laboratório Marcelo Magalhães. Nos supermercados, até hoje, encontrei apenas quinua em flocos e a farinha, mas não o grão.
    Valeu pela dica da ervilha, vou testar!
    Abraços,
    Sandra


  14. Como posso colocar QUINUA REAL no Pão integral?


  15. Eu nunca fiz pão, mas acho que coloca umpoco namassa, os grãos crus mesmo, antes de assar, assim como fazem com linhaça.
    Sei que vim um pão industrializado que é 9 graos, e os 2 últimos que acrescentaram foram quinua e linhaça.


  16. ÓLÁ.
    ASSISTIR HJ NA GLOBO NEWS A REPORTAGEM SOBRE A RAÇÃO HUMANA E ACHEI MUITO INTERRESSANTE.
    VOU EXPERIMENTA-LA.
    AGORA………..
    FICOU UMA DUVIDA.
    COMO GUARDAR,ARMAZENAR A MISTURA?
    NA GELADEIRA( ), EM POTES PLASTICOS( ),EM POTES DE VIDROS( ) E OU, AONDE ?
    AGUARDO UMA RESPOSTA NO MEU E-MAIL SE POSSIVEL.
    MUITO GRATA.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: